sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

PREVISÃO DE IFÁ PARA 2010


Anualmente na chegada de um novo ano uma das mais importantes previsões é realizada – uma leitura para o novo ano inteiro. Ela é realizada pelo mais antigo e respectivamente, o mais experiente Oluwo, no caso de nossa civilização Ocidental, que é o Oluwo Philip Neimark.
Anualmente, a leitura é conduzida com o método idêntico ao realizado na África por mais de 8.000 anos, utilizando um sistema matematicamente preciso e intelectualmente elegante, desenvolvido pela cultura Iorubá do que é agora o Oeste da Nigéria. Não tendo sido feitas adaptações à metodologia, houve a adaptação para as interpretações sendo o IFA o único sistema xamânico-religioso no mundo ocidental que está vivo e constantemente capaz de se adaptar às condições tecnológicas, sociais e políticas no mundo.



A perspectiva para o próximo ano de 2010 é de esperança. Esperançoso de uma forma que, em vez de empurrar para o lucro cruel, a agonia do consumidor e constantes pressões sociais, verdadeiramente começará a governar os genuínos valores como amor, saúde, família no que diz respeito aos antepassados, o cuidado para o bem comum de toda a sociedade e nosso planeta. Na verdade tudo vai ser a continuação das fundações já locadas no difícil ano de 2009, que serão no próximo ano ainda mais proeminentes e serão exibidas com uma intensidade e força ainda maior. Neste processo de sobrevivência à crise de 2009, não devemos nos voltar para a vida vivida antes da crise, mas sim nos esforçarmos para o novo mundo, governado por valores eternos como o lar, saúde, crescimento espiritual e emocional, família e filhos,... qual é e sempre será a missão básica da IFA.


A energia principal (ODU) do ano de 2010 é muito poderosa  - OGUNDA, que fala de prosperidade e abundância. No sentido do IFA isto significa que primeiro de tudo vamos ter dinheiro suficiente para cuidar de nós mesmos, nossa família e aqueles que amamos. Mas esta prosperidade vem daquele amor por nossa família, do crescimento espiritual, do nosso envolvimento com a família e amigos, a comunidade e nosso planeta onde nós vivemos. E isso sempre foi entendimento inerente e parte da mensagem Iorubá.
Neste ano temos que usar mais alegria, felicidade, exploração, curiosidade, movimento e sermos mais ativos na acepção mais ampla.

 
Em nosso mundo emocional/espiritual o uso da energia de OGUN será necessária. Temos de usar esta energia de foco, a recusa de se distrair, o trabalho duro, persistência a fim de obter os maiores benefícios no crescimento espiritual e os nossos relacionamentos afetivos significativos.
Vamos ter algumas dificuldades em manter tudo isso e a razão disto será a nossa inabilidade em manter a calma, clareza e foco. Vai ser difícil, porque vamos ter de substituir uma década de velhos hábitos por novos.
No ano de 2010 a conexão com a energia dos nossos ancestrais e um intenso trabalho na área de família será de grande importância.

O Orixá primário no ano de 2010, que irá nos ajudar na realização de nossos objetivos é EXÚ.

Esta energia nos fala sobre oportunidades e infinitas possibilidades e abre os nossos caminhos, que são positivas tanto para nós e como para as pessoas próximas, e nos protege das possibilidades que tantas vezes nos impedem em nossa trajetória de vida e nosso destino. 

O ano de 2010 é também o ano das Iyaami Oshoronga, as energias misteriosas da nossa mãe (e nossas mães) e nossa Mãe Terra em sua forma mais primitiva. 

Este ano é ideal para a iniciação.

É chegado o Tempo, quando os bons, puros e sinceros seres humanos terão seu lugar de poder e vão decidir sobre o destino de indivíduos, nações, países e a raça humana inteira.



Como a cada ano, estaremos realizando leituras individuais para 2010 (pode ser feito por e-mail ou telefone) e, claro, as ofertas para as principais áreas (destino, saúde, sucesso, relacionamentos, família, vitórias sobre as dificuldades) do próximo ano. Ofertas especiais podem ser realizadas por todos aqueles que já receberam a iniciação das Iyaami.
Todos os que estão interessados nos avise enviando um e-mail: (em inglês):robert.lavtar@gmail.com
Ou, se estiver na Europa, ligue para o número 00 386 41 335-215 (Robert).
Oluwo  Fagunwa Apesin Ola Aiyedun  / Robert Lavtar


O an




sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

2010 – O ANO TRÊS


COMO FOI DITO SOBRE O 2 E O ZERO NO ANO ANTERIOR...

O DOIS INICIAL NOS MOSTRA QUE ESTE É O MILÊNIO DA GRANDE MUDANÇA (2000 a 2999) PROPÍCIO PARA A BUSCA DO EQULÍBRIO – INTERNO E EXTERNO – MESMO COM TODAS AS CONTURBAÇÕES ATUAIS, E MESMO POR CAUSA DELAS.

O ZERO QUE VEM A SEGUIR DEMONSTRA A INFLUÊNCIA DE UMA CORRENTE ENERGÉTICA (SUTIL OU ESPIRITUAL, FICA A CRITÉRIO DE CADA UM) DO SÉCULO – 2000 a 2099. ESTA CORRENTE DIRECIONA O MUNDO PARA O DOIS INICIAL: A ESTABILIDADE E A MUDANÇA.


O ZERO TAMBÉM REGEU A DÉCADA INICIAL – DO SÉCULO E DO MILÊNIO, DE 2000 A 2009 – E POR ISSO ACELEROU O PROCESSO DE INTERRELACIONAMENTOS E GLOBALIZAÇÃO, POIS O ZERO NA MATEMÁTICA É O PONTO ENTRE O POSITIVO E O NEGATIVO, SIMBOLIZANDO NA ARITHMOSOFIA OS DOTES INTERIORES QUE TENDEM A ACENTUAR AS ENERGIAS DOS DEMAIS NÚMEROS ENVOLVIDOS.



DEZ É O SÍMBOLO DA TOTALIDADE. A AÇÃO CRIATIVA. O REPTÁCULO DE TODOS OS ARITHMOS PRIMÁRIOS, PORTANTO, CELESTE.
TAMBÉM É MUNDANA...

O DEZ PROPORCIONA UM MOMENTO PROPÍCIO PARA SOLUCIONAR PROBLEMAS DE PODER, DE AUTORIDADE E MESMO DE SAÚDE...

O DEZ, que já esteve presente com força em 2008, retorna em uma nova faceta.



Os novos entendimentos sobre cooperação, meio ambiente, sobrevivência, responsabilidade, cura, que se fez presente no correr da década que passou, deverá ser mais aparente em 2010, pela própria posição do ZERO que agora vem no final da fórmula. É tempo de colocar em prática as teorias e idéias.
De maneira geral 2010 é o que chamamos de 3º Ano Universal (o terceiro do ciclo 2008-2017).


Hanz Decoz, numerólogo norte-americano, chama atenção para o fato de estarmos em um ciclo de dez anos que começou em 2008 (Ano 10/1) e vai até 2017 (Ano 10), que será fundamental na forma como podemos evoluir como uma sociedade global. “Os maias não poderiam ter sido mais certeiros quando afirmaram que 2012 seria o fim de um ciclo de 5.126 anos: não somente por 2012 cair no meio do Ciclo Numerológico identificado como uma era de transformação, mas 2012 é o próprio Quinto Ano Universal neste ciclo, número 5 traz com ele um tema abrangente de mudança”.
Mas 2017 não será um “regresso à normalidade”, porque diferentemente da maioria dos ciclos, este não nos levará de volta para onde nós começamos - de muitas maneiras, nós vamos nos encontrar em um mundo inteiramente novo.


UM ANO TRÊS

Três é um arithmo extremamente afortunado, implicando energia criativa, inteligência, vivacidade, versatilidade, fascinação e uma certa atração por dinheiro e pelo sexo oposto.


No 3 os opostos se reconciliam harmoniosamente apesar da tensão. Simbolicamente é onde Deus se torna manifesto. Portanto, 3 é o arithmo da criatividade e autoexpressão nos planos divino e humano. Como o terceiro termo da Trindade, é o espírito divino que brota nas águas do Caos e cria o mundo.


A energia do 3 é altamente interativa e social. Então se pode dizer que 2010 será o ano da liderança - a nossa busca por ela, assim como nossas lutas pessoais para alcançá-la.


Este será um ano propício para resolver problemas no campo da criatividade, (encontrar o como fazer para manifestar sua vontade), expressão emocional (para que as reivindicações não se tornem queixas ou distúrbios), equilíbrio e cooperação em apoio a pessoas ou causas, um ano bom para aplicar a energia de maneira positiva e construtiva, para ensinar/aprender, animar/ser animado e inspirar/receber inspiração.


Com o 2 proporcionando apoio e força existe uma tendência a aparecerem problemas na área da cooperação. Não é possível saber o que é melhor para o outro. Tem-se que por no lugar do outro e trabalhar junto.


Sendo um ano onde a expressão terá um peso enorme, tanto individualmente quanto em sociedade, a imprensa terá um papel de destaque, sendo que muitos podem ser derrubados pelo peso da crítica.


A preocupação material manifestada pela energia do 1 continua. A violência é tão grande quanto a solidariedade.


Na área da saúde emoções reprimidas, tensão e estresse podem acarretar problemas físicos diversos. Mais que em outros anos, períodos de depressão ronda o ambiente. A falta de autoconfiança pode fazer com as pessoas desistam de lutar e caiam em um desânimo perigoso. Esse é o outro lado da brilhante energia do 3. Decepção leva à depressão por gerar dúvidas em si mesmo.


O 1 no negativo faz com que as pessoas se sintam bloqueadas, atoladas, frustradas, inseguras, com a mescla da energia do 2 a tendência é se afastar de tudo o que causa sofrimento, então...


Não esquecer: para manifestarmos a criatividade do 1, conseguirmos a cooperação e o equilíbrio proveniente do 2, e, principalmente, se desejamos partilhar da expressão e da sensibilidade positivas do 3 necessárias para mudar as coisas no mundo, então precisamos primeiramente sentir essas energias fluírem dentro de nós, estabelecer o equilíbrio e a integração em nossa própria psique e antes de tudo, primeiro ligar-nos às nossas próprias emoções mais profundas.


Olhando através da Arithmologia podemos prever que os maiores obstáculos de 2010 são representados pelo número 1, que regula a liderança. O que significa que podemos ter dificuldade específica nesta área.


Isso pode indicar mudanças drásticas para as Nações, pois podemos esperar que a concorrência entre as grandes potências mundiais aumente. Como a União Européia e a China crescem em poder econômico e, principalmente político, o papel, até então central, dos EUA nos assuntos mundiais se tornarão marcantemente menor, entretanto. Há sinais de que os países em desenvolvimento, mas com pouco poder, irão lançar-se contra seus vizinhos, ocasionando impasses diplomáticos, o que significa que 2010 pode trazer pequenas escaramuças ou mesmo guerras.


Felizmente, o número 3 também tem papel central em 2010, equilibrando as conotações negativas de 1 com uma influência, quente e otimista que irá inspirar a criatividade.


Há uma área onde o 1 negativo e o positivos 3 aparecerão em grande forma, e isso é na religião organizada. O 1, de energia agressiva, só amplia as fendas entre as principais escolas de pensamento espiritual, produzindo mais intolerância. Felizmente, o 3 brilha para trazer mais diplomacia entre as grandes religiões. Para quem optar por seguir um caminho mais 3 – um estilo de adoração com foco maior na iluminação do que no medo, o amor sobre o ódio – a experiência espiritual durante 2010 pode ser quase eufórica. Infelizmente o outro lado também existe...



Mês a mês


Em 2010 os ciclos, mês a mês, trazem algumas surpresas, com o início do ano tendo bastante mistura de altos e baixos. Devemos ver um impulso na economia global e do aumento do emprego em janeiro, o lado sombrio disso é que para muitos ainda existe a experiência de frustração, ou uma sensação de estagnação, com eles tentando voltar (ou manter-se) em um difícil mercado trabalho. Tempo de reconstruir planos e projetos, acertar erros financeiros e de julgamento.



Devemos ficar gratos que Fevereiro tenha apenas 28 dias, pois o mês traz algumas sérias turbulências e inversões. O Clima, principalmente, pode continuar estranho à frente. É hora de arriscar, pontos de vista estreitos, rigidez e esforços em situações ultrapassadas devem ser colocados de lado.


Felizmente, Março terá uma experiência global de otimismo, dando ao indivíduo a chance de se concentrar no grupo, nas responsabilidades com a família e com a comunidade.


Enquanto em Abril questões espirituais e religiosas estarão em primeiro plano. Também é um período para questionar alguns planejamentos, procurar o auxílio de profissionais, se necessário, e aprender com o passado.



Maio é um mês difícil de definir, com alguns períodos tendo uma sensação de paz e outros vendo um aumento da violência e jogos de poder em nível pessoal e global. Depois das demoras, dos problemas legais e das perguntas não-respondidas do mês anterior, é preciso desenvolver atitudes eficientes. Se conseguir a organização e a persuasão necessárias ao período, os resultados serão excepcionais.


Precisaremos de um pouco de firmeza para o meio do ano, porque as mudanças mais importantes acontecem durante Junho e Julho. Isso é porque nós vamos saltar de Junho, quando o número 9 é proeminente, até Julho, onde reina supremo o 1. Isso significa que nós vamos priorizar as questões de cooperação ou humanitários em um mês, para apenas se concentrar em uma única pessoa, ou no poder central, no próximo. Dado o quadro geral de 2010, este poderia enunciar as mudanças caóticas, não só na economia, mas também na natureza.


Agosto vem para nos acalmar e nos dar um fôlego antes da confusão geral, é hora de descansar da correria e dar aos amigos tempo para digerirem e se ajustarem às coisas que serão diferentes de seus hábitos e desejos pessoais.



Setembro: a confusão chega! as coisas não são como eles parecem, porque este é um mês, quando aparentemente bem sucedidas missões diplomáticas podem realmente criar problemas muito maiores, enquanto os desastres potenciais resolver-se e a chiadeira dá em nada. Esse será o mês em que a energia do ano estará em evidência.



Como de Janeiro, outubro oferece a sua quota de melhorias econômicas, porém é um período que mudanças profundas são necessárias para que as melhorias ocorram.



Novembro parece trazer consigo a promessa de um pandemônio, mas de limpeza; conflitos e confusões promovem as forças em cada um para conseguir atingir as prioridades.



Finalmente, Dezembro tem uma influência calmante depois de um ano turbulento. Espero que para Gaia também.



Lília Palmeira, 2010©.
SOCIEDADE LAMATRONIKA® - Todos os direitos reservados.



quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

AS PROFECIAS MAIA

Os Mayas nos deixaram uma mensagem escrita em pedra que contém 7 profecias baseadas nas conclusões de seus estudos científicos e religiosos sobre o funcionamento do Universo.
Há muito essas “previsões” estão sendo veiculadas na Internet com desmembramento e interpretação.
Procurei resumir ao máximo, ainda assim é um chamado alarmante.


A mensagem de alerta profetiza o que vai acontecer nesses tempos em que vivemos.



PRIMEIRA PROFECIA

A Primeira Profecia Maya nos fala do “tempo do não-tempo”, um período de 20 anos chamado Katún. Os últimos 20 anos desse grande ciclo de 5.125 anos, que estamos vivendo desde 1992 e vai até 2012. Uma etapa de mudanças rápidas, necessária para renovar os processos geológicos, sociais e humanos. Profetizaram que neste tempo manchas solares cada vez mais intensas apareceriam no Sol, que a partir de 1992 a humanidade entraria num último período de grandes aprendizagens, de grandes mudanças, que nossa própria conduta de depredação e contaminação do planeta contribuiria para que essas mudanças acontecessem.


A SEGUNDA PROFECIA


A Segunda Profecia anunciou que o comportamento de toda a humanidade mudaria mais dinamicamente a partir do eclipse solar de 11 de agosto de 1999 quando a energia que se recebe do centro da galáxia aumentará e acelerará a vibração em todo o nosso universo para conduzir a uma maior perfeição. Isso produzirá mudanças físicas no sol e mudanças psicológicas no ser humano que mudará sua forma de pensar e de sentir. O ser humano irá defrontar-se com seus medos e angústias para solucioná-los e assim poder sincronizar-se com o ritmo do planeta e do universo.



A TERCEIRA PROFECIA

A Terceira Profecia diz que uma onda de calor aumentará a temperatura do planeta provocando mudanças climáticas, geológicas e sociais de magnitudes sem precedentes e a uma velocidade assombrosa. Os Mayas disseram que esse aquecimento se dará por vários fatores. Alguns deles serão gerados pelo Sol, que produzirá mais irradiação aumentando a temperatura do planeta. Outros fatores gerados pelo ser humano que por sua falta de sincronismo com a natureza só poderá produzir processos de autodestruição.


A QUARTA PROFECIA

A Quarta Profecia diz que o aquecimento do planeta causará o derretimento do gelo dos pólos. Se o sol aumentar seus níveis de atividade acima do normal haverá uma maior produção de ventos solares, mais erupções maciças desde a coroa do sol, um aumento na irradiação e um incremento na temperatura do planeta. Todos os fenômenos ao ocorrerem simultaneamente produzirão modificações no clima e um aumento da temperatura nos mares e derreterá mais rapidamente o gelo nas calotas polares. Isso causará aumento do nível dos mares produzindo inundações nas terras costeiras, e conseqüente modificação morfológica dos continentes. Os Mayas previram que esta seria a forma como o planeta se limparia.


A QUINTA PROFECIA

A Quinta Profecia Maya diz que todos os sistemas baseados no medo, sob os quais está fundamentada a nossa civilização, se transformarão simultaneamente com o planeta e com o ser humano, dando lugar a uma nova realidade.
O ser humano, em sua arrogância, está convencido de que no Universo só ele existe que a humanidade é a única expressão de vida inteligente e por isso se sente no direito de agir como depredador.Os sistemas falharão para que o ser humano enfrente a si mesmo, e seus medos. Os sistemas religiosos baseados em um Deus que infunde medo também enfrentariam uma crise.


A SEXTA PROFECIA

A Sexta Profecia fala que nos próximos anos aparecerá um cometa cuja trajetória colocará em xeque a própria existência do ser humano. Os Mayas viam os cometas como agentes de mudanças que vinham para por em equilíbrio o movimento existente para que certas estruturas se transformem permitindo a evolução da consciência coletiva.


A SÉTIMA PROFECIA

A Sétima Profecia nos fala do momento em que o sistema solar, em seu giro cíclico, sai da noite para entrar no amanhecer da galáxia. Ela nos fala que nos 13 anos que vão de 1999 à 2012, a luz emitida desde o centro da galáxia sincroniza todos os seres vivos e permite a eles concordar voluntariamente, com uma transformação interna que produz novas realidades e que todos os seres humanos têm a oportunidade de mudar e romper suas limitações através do pensamento.

Não pensem os homens que as mudanças ocorrerão com um milagre da vinda de um salvador. Apenas a energia mudará, o clima mudará e as formas de vida terão que se adaptar, como já ocorreu antes em períodos perdidos nas brumas do tempo...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem sou

Minha foto

Descobri cedo o caminho do autoconhecimento e a partir da adolescência direcionei o foco dos meus estudos para essa autodescoberta. Dissequei a mim mesma em busca de respostas estudando diversas matérias, que entendi serem totalmente interligadas.
Com a Arithmologia venho me aprofundando em técnicas de respiração, meditação, cromoterapia, cinesiologia, e tecnologia espiritual. Desenvolvi a Arithmognose Terapêutica: o cuidado consigo e com os outros, através do conhecimento e essência dos Arithmos (números) pessoais.
Graduada em Direito, mas trabalhando com Consultoria, Coaching e Aconselhamento Metafísico a distância, tenho como objetivo esclarecer e motivar o cliente/coachee para que este possa perceber e/ou experimentar uma conscientização das potencialidades inerentes em si que repercutem diretamente em suas ações.

Google+ Followers

Seguidores